Marcação de consulta

Marcação de consulta
Marcar em www.hospitaldaordemterceira.pt e www.vitasana.pt

sexta-feira, 26 de dezembro de 2008

As plantas e a sua saúde

Todas as substâncias são venenos; O que separa um veneno de um remédio, é a dose justa.
Paracelse (1493 – 1541)

As plantas, quando bem utilizadas, podem ser um precioso auxiliar na prevenção de doenças e no seu tratamento. Se à sua acção aliarmos um regime alimentar adequado a cada caso, bem como algum exercício físico (se indicado), esta acção sinérgica beneficiará muito a sua saúde.

Um grande número de pessoas, por mim seguidas, tem experimentado uma melhoria bastante significativa da sua saúde, com esta acção sinérgica da Nutrição e Dietética com a Fitoterapia (tratamento através das plantas).

As plantas são utilizadas na saúde humana desde os tempos mais remotos da nossa existência, podendo ser um precioso auxiliar no tratamento das mais diversas doenças. É importante referir, que o facto de serem naturais não quer dizer que possam ser utilizadas livremente. Deverá sempre procurar aconselhamento profissional (Dietista, Nutricionista ou Fitoterapeuta) antes de as utilizar, pois podem ser prejudiciais, ou ineficazes, se mal utilizadas.

Actualmente têm sido desenvolvidas várias pesquisas sobre a utilização de plantas na saúde humana, comprovando-se cada vez mais a eficácia de determinadas substâncias activas existentes nas plantas. Têm muitos benefícios para a nossa saúde, com a vantagem de terem raríssimos efeitos secundários. No entanto, algumas são contra-indicadas em determinadas situações, sendo fundamental o aconselhamento de um profissional experiente, antes da sua utilização.

Alguns princípios activos presentes nas plantas, interagem com alguns fármacos, pelo que se estiver a tomar medicamentos deverá sempre informar o seu médico ou farmacêutico da sua utilização.

As plantas podem ser uma excelente ajuda em algumas situações como por exemplo no emagrecimento e manutenção do peso, na digestão e funcionamento intestinal, na circulação sanguínea, nas dores articulares, nas enxaquecas, nas dores menstruais, no aumento das defesas imunitárias, em situações de maior stress e ansiedade, nas noites de insónia, no cansaço e falta de vitalidade, na regularização da tensão arterial, na prevenção e tratamento das doenças cardiovasculares e em muitas outras situações.

Aconselhe-se com a sua Dietista e usufrua plenamente dos seus benefícios aliados a um plano alimentar especifico para si.

Dra. Eduarda Alves
Directora da Clínica dos Alimentos
Dietista no Hospital São Francisco Xavier


.